페이지 이미지
PDF
ePub

Adonis. Mancebo gentilissimo, filho de Cyniras, e

amado por Venus: foi morto por hum javali. ADRIA. Antiga cidade que deo ao Mar, que a

banhava, o nome de Adriatico : era fundada na foz do rio Pó: della não existe agora nenhum

vestigio. Agra. Cidade da Asia, que foi capital dos Estados

e dominos do Gran-Mogol. ALADULIA. Reino situado na cabeceira do Euphra

tes, sujeito ao Gran-Turco. Alcides. Hé o mesmo que Hercules, assim chamado

por ser neto de Alceo, do qual era filha sua Mai

Alcmena. Alcinoo. Rei dos Pheaceos, celebre pelos seus Jar

dins na Ilha de Corfu, ou Naxos. Alger. Cidade, e Reino da Costa de Africa no Mar

Mediterraneo, cujo governo tem por chefe hum

Bey, ou Tyranno. Almansor, Rei de Barbaria, que teve o Imperio de

Marrocos, Fez, Suz, Alger, e Tremecém, na

Africa. AMALTHEA. Filha de Melisso, Rei da Grecia. Foi

amada de Jupiter, a quem por ter creado Baccho

deo a Cornucopia da abundancia. Amara. Montanha da Ethyopia, onde alguns Theo

logos e Historiadores pertenderam tivesse sido

collocado o Paraiso terreal. Ammon. Jupiter adorado na Lybia sob a figura de

carneiro, ou com os cornos deste animal, em

memoria de ter fugido sob aquella metamor-

phose á crueldade dos Titans.
AMRAM. Pai de Moyses, filho de Caath, filho de

Levi, filho de Jacob.
ANGOLA. Cidade capital do Reino de Congo, em

Africa , pertencente aos Portuguezes.
Aonto. Monte da Beocia, consagrado ás Musas,

onde havia huma fonte, cuja agoa infundia ó

estro poetico.
ANTARCTICO. Polo Meridional do Mundo, como o

Arctico hé o do Septentriāo.
ARABIA Feliz. Paiz entre o Mar roxo, e o Golfo

da Persia.
ARGOs. Assim se chamava a náo, em que Jason com

os cincoenta e dous Heróes de Thessalia , chama-
dos por esta razão Argonautas, foram a Colchos

roubar o aureo vellocino.
Argus. Pastor, filho de Aristeo: tinha cem olhos,

e Mercurio lhos tirou para lhe roubar Ino trans-

mutada em Vacca, segundo a Mythologia.
ARIMASPO. Os Antigos habitantes da Scythia, se deno-

minavam Arimaspos : destes se diz terem só hum
olho, como os Cyclopes, e que faziam guerra aos
Gryphos , seus visinhos que possuiam minas de
ouro; as quaes guardavam com grande vigilancia

dos Arimaspos.
ARNon. Paiz pertencente aos Moabitas, conquis-

tado por Séon, Rei dos Amorrheos.
ASMODEo. Demonio enamorado da filha de Raquel,

[ocr errors]

que

veio a casar com Tobias seu primo, depois
de ser viuva de sete maridos, que o Espirito
maldito lhe tinha morto por ciûme. O Anjo Ra-
phael, fez sahir este Demonio da Luxuria do

corpo
da Viîva rica , a fim de poder sem risco concluir o
casamento com Tobias, filho do outro Tobias,
a quem tinha curado da cegueira por ordem de

Deus,
ASPERMONTE. O mesmo que Agramonte,

sitio

que
Ariosto cantou no seu Orlando furioso.
ASTAROTH OU ASTARTÉ. Idolo dos Sidonios, ou Phe-

nicios, a quem Salomão edificou hum Templo
nas visinhanças do de Jerusalem. Esta Divindade

julga-se ser a Lua, ou a Diana da Fabula.
ASTRACẠN. Reino, e Cidade situada na foz do Rio

Volga, perto do Mar Caspio.
ATABALIPA, Rei do Perú, morto pelos Hespanhoes

em Cusco, capital do Reino.
ATLANTICOS MARES. Hé aquella parte do Oceano

que banha a plaga occidental da Mauritania ,

onde está o Monte Atlas.
ATLAS. Monte da Mauritanja tão alto.

que
vertice nunca se mostra sem nuvens.
Auran. Paiz mencionado como o mais, oriental da

Terra de Eden.
AUREO CHERSONESO. Hé a Cidade de Malaca, no

Oriente, chamada Aurea Chersoneso, pelo muito
ouro que

nella há: está situada no Golfo e estreito
que
deo o nome,

defronte da Ilha de Sumatra,
huma das principaes d'aquelle Archipelago.

0 seu

a

B.

BACTRIA. Huma das Provincias da Persia, onde está

situada a Cidade, da qual tomou o nome.
Balança. Hé o signo de Libra do Zodiaco, no qual

entra o Sol em Setembro.
Bambu. Cana massiça e brava da China, de que os

Chins fazem' moveis, e leques para seu uso, e

commercio.
BARCA. Hé o Deserto situado entre Tripoli, e Ale-

xandria.
BEHEMOTH. Nome que o Santo Job dá ao Ele-

phante.
Belial. Este vocabulo quer dizer em Hebraico sem

lei. Este hé o Demonio ou Idolo do Atheismo.
BELLOROPHONTE. Filho de Glauco, Rei do Egypto ,

ou de Corintho. Tendo vencido e morto a Chi-
mera, pertendeo subir ao Ceo; porém Jove en-
viou contra o seu cavallo pegaso hum Moscardo,
que o fez precipitar nos canipos Aleienos da
Lycia, onde errante existio té

que

morreo.
BENGALA. Reino florecente e rico do Oriente, divi-

dido em duas metades pelo rio Ganges. Nas mar-
gens deste está situada a cidade de Calcutá, as-
sento da companhia Ingleza das Indias Orien-

taes.
BERSABÉ. Lugar da Terra Santa , confinante com o

Egypto.

BISERTA. Cidade de Africa, visinha da antiga Car

thago: julga-se ser a celebrada Utica. BOSPAORO. Estreito junto á Bysancio, hoje Cons

tantinopla. BRIAREO. Hé o mesmo que o Centimano Aegeon,

Gigante de cem braços. Busiris. Milton dá este nome a Pharaó, porque

bem como aquelle Rei do Egypto sacrificava os seus hospedes; e tambem porque Pharaó pro

vinha da raca de Busiris. Bysancio. Assim se denominava a cidade, que de

pois de Constantino a ter ennobrecido e augmentado, se chama presentemente Constantinopla , e hé a capital da Turquia da Europa, e de todo o Imperio Ottomano.

C.

por Bar

CABO DA BOA ESPERANÇA, ou TORMENTORIO. Hé a

ponta meridional da Africa , descoberto tholomeu Dias, Portuguez, que nelle veio depois

a naufragar. Cabo VERDE. Hé a parte mais occidental da costa

de Africa, no Oceano Atlantico, perto da em

bocadura do rio Gambia. Cadmo. Foi filho de Agenor Rei de Phenicia, e ma

rido de Hermione, filha de Marte e Venus; e edi. ficou a cidade de Thebas na Beocia. A Fabula conta delle grandes maravilhas, té que finalmente

« 이전계속 »